top of page
Buscar
  • Foto do escritorLeia Regina Nascimento

QUAIS SÃO AS TAXAS DO FRANCHISING? E COMO SÃO DEFINIDAS?

O conceito principal do franchising é a reprodução de um modelo de negócio de sucesso.


E é exatamente por deter esse know-how (conhecimento) que o franqueador cobra algumas taxas de seus franqueados, para que estes tenham acesso a toda informação estratégica da marca e possam chegar no mesmo sucesso das lojas próprias.


Logo no começo da formatação da franquia, quando são feitos os estudos do negócio, as taxas devem ser definidas nas condições que o modelo de negócio comporta.


As principais taxas do sistema são:


Taxa de franquia: é paga pelo franqueado à franqueadora no ato da contratação, remunera a concessão do uso da marca, treinamentos e o suporte que será oferecido ao franqueado durante a implantação da franquia.

A taxa de franquia pode ser cobrada também na renovação do contrato, a critério da franqueadora, desde que claramente estabelecida na circular de oferta e contratos.


Royalties: pode ser um percentual do faturamento bruto do negócio franqueado, um percentual sobre compras ou um valor fixo, habitualmente mensal. Corresponde ao direito contínuo do uso da marca e suporte oferecido pela franqueadora ao franqueado. A franqueadora pode utilizar dessa remuneração para o desenvolvimento de novas tecnologias, produtos, ações e eventos em benefício da rede.


Fundo de publicidade e propaganda (FPP): também conhecido como fundo de marketing é a remuneração destinada ao marketing institucional, àquele que toda a rede se beneficia. Pode ser um percentual do faturamento bruto ou valor fixo, habitualmente mensal.


Dependendo do modelo de negócio, é possível a franqueadora implantar outras taxas como, por exemplo, a taxa de sistema (licença de software) e taxas de serviços extras (treinamento de mão de obra especializada, consultorias extras etc.).


Todas as taxas inerentes ao sistema devem obrigatoriamente, constar na COF- circular de oferta de franquia- e contratos, além de uma boa avaliação da viabilidade e sustentabilidade financeira do negócio franqueado.

Uma rede de franquias saudável é aquela cujo franqueado e franqueadora estejam satisfeitos com os resultados financeiros. Assim, somente um bom plano de negócios pode determinar como e quanto é possível cobrar em taxas para cada etapa do franqueado.

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page